AMAZONAS

​Conselheira do TCE-AM pede que Susam envie plano de ação para encerrar pagamentos indenizatórios

A relatora das contas da Secretaria de Estado da Saúde (SES) no Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), conselheira Yara Lins dos Santos, deu prazo de cinco dias para que a pasta informe à Corte de Contas o plano de ação que está sendo utilizado para encerrar os pagamentos indenizatórios na Saúde. 

A determinação consta em um ofício enviado pela conselheira à Susam, nesta quinta-feira (19), endereçado ao titular da pasta, Anoar Abdul Samad.

 “Quero informar, ainda, que em 2020, encaminhei expediente à Secretaria solicitando cópia da documentação de todos os pagamentos feitos via indenização nos exercícios de 2018 a 2020, com nome do beneficiado, valor, data do pagamento e dispêndio. Além disso, solicitei aos titulares da pasta que adotassem medidas para que, de forma cabal, extinguissem tal prática”, afirmou a conselheira Yara Lins dos Santos durante a sessão do Tribunal Pleno, nesta quinta-feira. 

  No ofício, a conselheira solicitou, ainda, que a SES encaminhe ao TCE-AM a lista com todos os processos já finalizados e os que ainda tramitam na Secretaria, com o nome do beneficiário, valor e o serviço prestado. A não obediência à determinação acarreta em multa e demais providências cabíveis.

VIA TCE-AM

Postagens relacionadas

Ceti inaugurado em Manaus gera novos empregos a comunitários do Viver Melhor

Ivan Nobre

Prefeitura de Manaus abre às 9h desta sexta-feira a vacinação de adolescentes contra a Covid-19

Paulo Apurina

Wilson Lima anuncia antecipação de 50% do 13° salário de servidores, aposentados e pensionistas

Paulo Apurina