AMAZONAS BRASIL

2° Congresso do Fórum Social da Torá Judaico Cristão Amazônia Brasil começa amanhã em Manaus-AM

O evento nacional terá como palestrante principal a Deputada Federal Bia Kicis (PSL-DF) que é defensora veemente da família e do voto impresso

VANGUARDA MESSIÂNICA – EMET

2º CONGRESSO DO FÓRUM SOCIAL DA TORÁ JUDAICO CRISTÃO -FSTJC- AMAZÔNIA – BRASIL.

A presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Federal, a deputada Bia Kicis (PSL-DF) fará palestra no 2° Fórum Social da Torá Judaico-Cristão, que começa amanhã em Manaus/AM, nos dias 29 e 30, na sede da OAB, na avenida jornalista Umberto Calderaro.

Convidada pelo fundador e presidente do Fórum Social da Tóra, ShaliachRoeÍcaro Moreno, rabino da Sinagoga BetShalom de Manaus, a deputada federal Bia Kicis tem se destacado pela defesa veemente da família brasileira e também pelo voto impresso auditáveL.

O 2° Fórum Social da Torá Judaico-Cristão da Amazônia será aberto pela presidente da OAB/Amazonas, Grace AnnyBenayonZamperlini. A representante dos advogados amazonenses, que é descendente de judeu, vai falar sobre “Segurança Institucional”.

O Fórum Social tem por finalidade discutir caminhos para o apaziguamento social, cuja necessidade é real, principalmente diante da crise vivida pelo mundo e, em particular, pelo Brasil.

O PASTOR TALFIK HILAL DE BRASÍLIA SERÁ O COPALESTRANTE E ESTARÁ FALANDO SOBRE A “PACIFICAÇÃO SOCIAL” NO SEGUNDO DIA DO FÓRUM. O MESMO UNGIU O ATUAL PRESIDENTE DA REPÚBLICA NO MÊS DE MARÇO DE 2018 QUANDO O ATUAL PRESIDENTE AINDA NÃO ERA O FAVORITO NAS PESQUISAS DE OPINIÃO.PASSADOS MAIS DE DOIS ANOS E MEIO DO ATUAL MANDATÁRIO DO PAÍS, ELE VAI FALAR SOBRE AS PERSPECTIVAS QUE ESPERAM O BRASIL NO CAMPO SOCIAL PARA 2022.COMO PACIFICAR A NAÇÃO DIANTE DE TANTAS DIVISÕES E CONTRASTES ATUAIS?

O Desembargador Dr.Yêdo Simões de Oliveira, foi escolhido pelo CONSELHO DE PENSADORES DA Vanguarda Messiânica Emet ,para ser o próximo Presidente de Honra do FÓRUM SOCIAL DA TORÁ JUDAICO CRISTÃO DA AMAZÔNIA -BRASIL que terá a sua nova edição BIENAL nos dias 29/30 DE JULHO DESTE ANO, no auditório da OAB-AM.O FÓRUM SOCIAL DA TORÁ, nasceu no dia 15 de novembro de 2018 com o lançamento do seu manifesto por um grupo de PENSADORES em Manaus, advogados, jornalistas, religiosos, trabalhadores, pessoas com fortes anseios de JUSTIÇA em nossa sociedade. A VISÃO DA TORÁ na perspectiva SOCIAL tem sido uma busca pelo grupo de participantes que optou este ano como tema do seu 2° CONGRESSO:” A PACIFICAÇÃO SOCIAL”.A indicação do Dr.Yêdo Simões foi um reconhecimento pela sua dedicação à JUSTIÇA e, a sua capacidade filosófica interpretativa dos anseios da sociedade pelo equilíbrio SOCIAL. No último dia 09 desse mês o ilustre juiz-desembargador aceitou a indicação.Conheça um pouco mais do Advogado-Juiz-Desembargador Yêdo Simões:

Formado em Direito pela Universidade Federal do Amazonas (1978) e é pós-graduado em Gestão de Tribunais pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), O desembargador Yedo Simões ingressou na magistratura no ano de 1979 e foi juiz de Direito das Comarcas de Barcelos, Itacoatiara, Autazes, Maués. Na Comarca de Manaus, foi titular das 3ª, 7ª, 8ª e 9ª Varas Cíveis; da 6ª Vara Criminal; do 1º Tribunal do Júri; da 1ª Vara da Fazenda Pública do Estado do Amazonas; da Vara de Execuções Criminais e do 2º Juizado Especial Cível. Como juiz eleitoral, conduziu pleitos em Barcelos, Itacoatiara e Autazes e, na capital, foi juiz das 1ª, 2ª, 32ª e 37ª zonas eleitorais. Em 1992, exerceu a função de presidente e coordenador do pleito municipal de Manaus. Foi promovido a desembargador em 2005 pelo critério de merecimento, ocupou o cargo de corregedor-geral de Justiça no biênio 2012/2014 e presidiu o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM) no biênio 2016/2018.Foi eleito e empossado a frente do Tribunal de Justiça do Amazonas em 2018, tendo exercido a função de Presidente da Corte por dois anos.

O maior evento judaico-messiânico da Amazônia Brasileira, o 2° Fórum Social da Torá, cujo encontro acontecerá na sede da OAB de Manaus/AM, nos dias 29 e 30 do corrente, reunirá autoridades religiosas, políticas e judiciárias da região e do País, que discutirão, à luz da Lei Judaica, caminhos para a Pacificação Social, especialmente do Brasil, que vive uma recuperação na crise de saúde pública com vários reflexos na economia, no social e em todas as áreas da gestão pública, e também, conflitos espirituais e psicológicos, como a autoestima e a depressão.

“O mudo precisa de paz, de equilíbrio emocional e espiritual. É necessário resgatar esse estado de espírito, essa harmonia social e emocional”, enfatiza o fundador e presidente do Fórum Social da Torá, ShaliachRoeÍcaro Moreno, rabino da Sinagoga BetShalom Judaico-Messiânica de Manaus. “O ser humano precisa se reconectar consigo próprio e se religar com o Eterno. Só assim a Pacificação Social acontecerá. As políticas públicas por si só não são o suficiente”, ressalta.

Os palestrantes do Fórum Social da Torá são os seguintes: deputada federal Bia Kicis (PSL-DF), procuradora de Justiça aposentada; pastor e ministro religioso TaufikHillal (DF); advogada Grace Benayon, presidente da OAB/Amazonas e Yêdo Simões, desembargador e ex-presidente do TJ/AM.

A expectativa é enorme. Convidados de vários estados do Brasil participarão do evento judaico-messiânico, que será sucesso absoluto. Serão dois dias de reflexão e aprendizagem.

As inscrições são gratuitas e limitadas. Elas podem ser efetuadas através do Whatsapp (92) 98468-1558 / (92) 98805 3066 e E-mail: robertobenjoino@hotmail.com, icaroamazonia@yahoo.com

Postagens relacionadas

Amazonas recebe 163,8 mil doses de vacina contra Covid-19 para maiores de 12 anos, nesta terça-feira (18/01)

Ivan Nobre

Anvisa aprova novo tratamento para HIV

Jamil Maciel

Prefeitura de Coari-AM dar início a vacinação infantil contra a Covid-19

Paulo Apurina