Uncategorized

Amazonas realiza dia S de mobilização em saúde contra o sarampo nesta quinta-feira

Serviços de saúde municipais irão fazer busca ativa de casos da doença nesta quinta-feira (14/03)

Com a finalidade de reforçar as ações de prevenção contra o sarampo no Amazonas, a Secretaria de Saúde através da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas- Dra. Rosemary Costa Pinto, integra o Dia S, da Campanha Nacional de Mobilização contra o Sarampo, comemorado nesta quinta-feira (14/03) em todo o país.

O Ministério da Saúde promove o dia S de combate à doença em conjunto com estados e municípios. Os serviços de saúde irão buscar ativamente pessoas com suspeita, além de registrar a ausência de circulação do vírus, para intensificar a estratégia nacional de eliminação da doença no país.

A diretora-presidente da FVS-RCP, Tatyana Amorim, salienta que o Brasil está em processo de sair do status de um país endêmico. “A busca ativa contra a doença é um dos critérios para a recertificação do país livre de sarampo, onde o país realiza ações para identificar novos casos de forma ativa para a melhoria da vigilância epidemiológica em áreas silenciosas e de alto risco”, explicou Tatyana.

Para o responsável pela Vigilância Epidemiológica da FVS-RCP, Alexsandro Melo, é importante que todos os serviços de saúde realizem o Dia S em seus territórios. “A busca ativa e o incentivo a vacinação de tríplice viral que protege contra (sarampo, caxumba e rubéola) são estratégias necessárias para o Brasil voltar a ser um país livre do sarampo”, reforçou Alexsandro.

Cenário da Doença no Amazonas

Não há registro de casos confirmados de sarampo no Amazonas desde 2021. A cobertura vacinal para tríplice viral no Estado, em 2023, para 1ª dose é de 82% e para a 2ª dose corresponde 50%.

Programação

As 62 secretarias municipais de saúde, realizam em suas cidades a programação de mobilização de educação em saúde para reforçar a manutenção da eliminação do vírus do sarampo e da rubéola, nos locais onde não há confirmações de casos.

Meta

Para que o Brasil conquiste novamente a certificação de eliminação do sarampo, o Ministério da Saúde reforça a importância da vacinação. A vacina tríplice viral, que além do sarampo, também protege contra a caxumba e rubéola, está disponível em todas as salas de vacinação do país.

Esse imunizante também faz parte da Campanha Nacional de Multivacinação, focada em atualizar a carteirinha de vacinação de crianças e adolescentes menores de 15 anos.

Fonte: FVS

Foto: Divulgação

Postagens relacionadas

Primeira etapa da campanha contra influenza e sarampo será para idosos e trabalhadores da saúde

Jamil Maciel

AÇÃO EMERGENCIAL – Prefeitura avança no serviço de contenção de erosão na avenida Torquato Tapajós

Vilhena

Árbitro é agredido por jogador e fica desacordado em partida no Rio Grande do Sul

Paulo Apurina
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Verified by MonsterInsights