POLÍTICA

Assembleia Legislativa do Amazonas realiza Campanha do Setembro Amarelo

Instituído em 2014, pela Associação Brasileira de Psiquiatria e Conselho Federal de Medicina (CFM), o Setembro Amarelo é um mês voltado à prevenção, debate e redução do número de suicídios no Brasil. O Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio, lembrado todo dia 10 de setembro, procura chamar a atenção para os mais de 13 mil suicídios por ano no país.

A partir das 10 horas, na sexta-feira (10), a Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) abre espaço para a Polícia Militar do Amazonas (PMAM), por meio da Ronda Maria da Penha, para a transmissão da live “Batalha pela Vida”, com palestras da psicóloga da PMAM, 1º Tenente Daiane Veras; da especialista em psiquiatria Ana Paula Amanajás e a secretária executiva de Políticas para as Mulheres Maricília Costa, tendo como mediadora a 1º. Tenente Viviane Farias, além de apresentação da banda da Polícia Militar.

Às 14 horas, por meio das diretorias de Saúde, Assistência Social, Escola do Legislativo e Comissão de Saúde, acontece a Roda de Conversa com o tema “Identificando as Reações para a Prevenção ao Suicídio”, no miniauditório Cônego Azevedo, onde serão debatidas e identificadas as ações de prevenção ao suicídio.

Às 17 horas, a sede do Poder Legislativo será iluminada de amarelo e haverá a soltura de 200 balões da mesma cor, simbolizando a adesão da Aleam à Campanha Setembro Amarelo. No próximo dia 28, a partir das 14 horas, o Programa Educando Pela Cultura realizará um webnário híbrido com as psicólogas Luciana Diefenbach, Luziane Vitoriano, Ana Cláudia Souza da Silva e Michelle de Albuquerque Rodrigues, com mediação da coordenadora do Educando Pela Cultura, Jacy Braga. O tema será “Setembro Amarelo: O Barulho Silencioso da Ideação Suicida”.

“Esse é o quinto ano da Campanha Setembro Amarelo na Aleam. Por conta da pandemia o evento será menor, voltado especificamente à prevenção do suicídio através de conversas”, explica Jacy Braga.

Campanha Setembro Amarelo

A inclusão no Calendário Oficial de Eventos do Amazonas do “Setembro Amarelo” foi instituída  pelo Projeto de Lei (PL) nº 452 de 2019, de autoria da deputada Therezinha Ruiz (PSDB), transformada na Lei nº 5.167 de abril de 2020.

O objetivo é iluminar em amarelo, aplicar o símbolo da campanha ou sinalização, de forma a remeter ao tema, nos prédios públicos do Amazonas, além de alertar e promover o debate sobre o suicídio e as suas possíveis causas.

“O suicídio é um fenômeno complexo e multifacetado que se forma ao longo da história do indivíduo e se revela nos sentidos e modos de ser que constituem a sua existência. Logo, é um fenômeno que não escolhe idade, classe social, gênero ou nacionalidade”, explica a deputada Therezinha.

VIA Diretoria de Comunicação da Aleam

Postagens relacionadas

PM libera e manifestantes lotam a Esplanada na véspera do 7 de Setembro

Paulo Apurina

Brasileira flagra presidente da Áustria comendo na rua em NYC

Paulo Apurina

Maioria do STF vota por rejeitar denúncia contra presidente da Câmara

Paulo Apurina