AMAZONAS POLÍTICA

Deputados estaduais do AM parabenizam realização de mutirão de vacinação de adolescentes e forte adesão do público

A forte adesão dos jovens à vacinação contra a Covid-19 foi o destaque nos discursos dos parlamentares nesta terça-feira (17), na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam).  O deputado estadual Abdala Fraxe (Podemos) foi o primeiro a parabenizar a Prefeitura de Manaus e o Governo do Amazonas, pela ação conjunta que resultou em um mais um mutirão de vacinação, desta vez para os adolescentes de 12 a 17 anos.

“Foram 87 mil jovens vacinados entre sexta e sábado, sendo 73 mil apenas no sábado. O que se viu nesses dois dias foi uma verdadeira emoção e comoção, principalmente por parte dos pais e familiares que se sentirão ainda mais protegidos com a imunização dos adolescentes. Os jovens entenderam que a vacinação é a melhor saída para combater essa pandemia e as pessoas fluíram para os postos com uma esperança muito grande de voltarmos à vida normal”, elogiou.

A deputada professora Therezinha Ruiz (PSDB) também parabenizou a realização do mutirão e, mais ainda, a população jovem que aderiu ai chamado para vacinação. “A juventude mostrou a sua cara em massa, colocando-se à disposição e querendo a vacina. A juventude não teve medo em contribuir para voltarmos à vida normal e por isso estão de parabéns”, comemorou. Na oportunidade, a parlamentar também agradeceu à Superintendência da Zona Franca do Amazonas (Suframa) pela cessão de um imóvel onde poderá abrigada a nova Delegacia de Proteção ao Idoso.

Desvalorização dos Servidores da Saúde

Já o deputado estadual Wilker Barreto criticou o tratamento do Governo do Estado  sobre a reposição salarial dos servidores da saúde, dizendo que os profissionais tão elogiados e essenciais na pandemia não recebem o reconhecimento à altura quando se trata de valorização salarial porque é um governo “que se preocupa mais em garantir o jatinho do governador que com a reposição salarial de seus trabalhadores”.

O socialista Serafim Corrêa (PSB) prestou solidariedade à deputada Dra. Mayara (Progressistas) pelas agressões de que foi vítima por meio de uma emissora de rádio de Coari (distante 363 km de Manaus). “O direito de criticar a administração é legítimo, mas criticar a pessoa, a mulher, é abominável”. O deputado também sugeriu a realização de uma audiência pública sobre a ampliação dos flutuantes sobre o Rio Tarumã.

Em seu pronunciamento, o deputado Fausto Junior (MDB) reprovou o aumento de aproximadamente 24% da conta de água, anunciando um projeto de lei para restringir o aumento enquanto perdurar a calamidade em virtude da Covid-19 em respeito à população. “Um aumento nesse percentual é um golpe nas finanças das pessoas, que não tiveram nenhum tipo de aumento nas suas rendas”, apontou.

VIA DIRCOM ALEAM

Postagens relacionadas

Manaus busca se tornar novo centro internacional do turismo esportivo e de aventura

Paulo Apurina

Avante lança chapa completa de pré-candidatos e chancela apoio a Wilson Lima

Paulo Apurina

Governo do Amazonas abre edital de credenciamento para o Promove

Ivan Nobre