TECNOLOGIA

Desenvolvedores de Manaus são destaques no mercado de jogos eletrônicos

O mercado de jogos eletrônicos no Amazonas tem se destacado no cenário brasileiro. A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi), tem investido em iniciativas que impulsionam o setor de programação de games, por meio de cursos e eventos que fortalecem o ecossistema. Essas ações consolidam a cidade como um polo importante na indústria de desenvolvimento de jogos, promovendo inovação e oferecendo oportunidades para os profissionais da área.

Em 2023, o edital “Mais Inovação” ofertou mais de 270 vagas nos cursos de Programação Básica e Mercado de Games, utilizando recursos do Fundo Municipal de Empreendedorismo e Inovação (Fumipeq). As aulas foram conduzidas de forma presencial, em parceria com a Federação Amazonense de E-Sports (Faesp).

“Essas iniciativas têm como objetivo expandir a compreensão do mercado de tecnologia, que está em constante crescimento, especialmente entre jovens empreendedores. Acreditamos que, por meio delas, o interesse profissional nas áreas de inovação será impulsionado. Comprometidos em evoluir de acordo com as demandas do setor, continuaremos promovendo novas edições dos cursos já estabelecidos, buscando capacitar profissionais em níveis mais avançados”, afirmou o secretário da Semtepi, Radyr Júnior.

De acordo com dados da Pesquisa Game Brasil (PGB – 10 anos), desenvolvida pelo Sioux Group e Go Games no Brasil, Argentina, Chile, Colômbia e México com mais de 14 mil participantes, 58,6% dos entrevistados acredita que o setor de games brasileiro oferece boas oportunidades para trabalho e carreira. Entre as opções de carreira, as maiores percepções estão nas áreas de criação e streaming de conteúdo; publicação; marketing e programação.

O estudante de tecnologia, João Luiz, afirma que os cursos do edital “Mais Inovação” surgiram como uma oportunidade acessível de entrar no mercado de games. A partir disso, o participante já criou duas equipes para desenvolvimento de jogos, sendo elas a: “The Noobs”, que garantiu o 3º lugar na competição de criação de jogos durante o evento “Amazon Tecnogame 2023”; e a “Spirit”, que atualmente está participando da competição Game Jam.

“Participei de um curso incrível que não apenas me proporcionou novos conhecimentos, mas também me conectou a pessoas inspiradoras e abriu portas para oportunidades incríveis. Acredito na importância de trazer iniciativas como essa para a nossa cidade, pois os jogos transcendem a categoria de mero passatempo; eles representam uma maneira envolvente de expressar carinho e amor. Espero que, daqui para frente, a área de jogos ganhe uma relevância ainda maior em Manaus”, destacou o empreendedor.
Segundo a pesquisa PGB – 10 anos, nos últimos anos, as mulheres dominaram o consumo de jogos digitais, principalmente por conta da forte presença nos smartphones e jogos casuais. Atualmente, elas representam 46,2% do público. Fabrícia Ádria é uma das empreendedoras que começou seu negócio a partir do curso de mercado de games. Criadora de quatro protótipos de jogos em desenvolvimento: Coelho Rosa; Elly⋆ Involved; e The Bull, a estudante descobriu um ambiente propício para garantir renda e consolidar a carreira.

“Apesar de possuir formação em estética e cosmetologia, nunca atuei efetivamente nessa área. Sempre me identifiquei mais com design, arte e programação. Surpreendentemente, esse curso abriu oportunidades para mim de forma mais rápida do que eu imaginava”, completou Fabrícia.

O titular da Semtepi destacou que, para 2024, a 3º edição do edital “Mais Inovação” vai incluir uma maratona de cursos voltados para o ecossistema de jogos. O objetivo é mostrar o potencial dos desenvolvedores de Manaus para todo o Brasil.
“Vamos lançar nas próximas semanas a nova programação de cursos para este ano. Essa é uma oportunidade para todos os públicos que têm grande tendência para se destacar no mercado. Essa iniciativa é 100% gratuita”, afirmou Radyr.

Fonte: Semtepi

Foto: Divulgação

Postagens relacionadas

Peritos do Amazonas usam antropologia forense para identificar ossadas humanas

Paulo Apurina

Ageman fiscaliza substituição de luminárias para atender Telegestão

Jamil Maciel

Laboratório de Genética Forense identifica homem desaparecido há quase oito anos

Paulo Apurina
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Verified by MonsterInsights