BRASIL POLÍTICA

Durango “Polvo” Duarte e Omar “Ganso” Aziz foram para evento no RJ como militantes do PC do B-AM

Agora esta explicado porque o Polvo vive se gabando em Manaus de ser assessor do Ganso na CPI do Covidão

O Portal CM7 Brasil teve acesso a um documento que revela que o senador Omar Aziz (vulgo Ganso), junto com o publicitário Durango Duarte (vulgo Polvo), viajaram para o Rio de Janeiro em 1984 como representantes comunistas do Amazonas.

Além de Omar e Durango, também saiu da capital amazonense o ex-assessor do senador, Manoel Paulino da Costa Filho, o médico Edson dos Anjos Ramos e o ex-secretário do governo na gestão de Aziz, George Tasso Lucena Sampaio Calado. Os cinco participaram do XXXVI Congresso da União Nacional dos Estudantes (UNE) como militantes estaduais do partido PC do B e representantes da União da Juventude Socialista do estado.

Esta União Socialista da Juventude, que foi fundada em 1984, nada mais é que a organização juvenil do Partido Comunista do Brasil. Grande parte dos membros endeusam o ex-presidiário e ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O objetivo da união é novamente eleger Lula e transformar de vez o Brasil em comunista. Isso explica a perseguição do senador Omar Aziz com o presidente Bolsonaro, afinal uma vez comunista, sempre comunista.

Veja o documento: 

Postagens relacionadas

Brasil lidera redução de emissões de gases de efeito estufa desde 2015

Paulo Apurina

Governo Federal tem recorde de arrecadação e registra mais 300 mil empregos

Paulo Apurina

Roberto Cidade fará anúncio de reajuste salarial histórico aos servidores da Assembleia Legislativa do Amazonas

Luan Brito