ESPORTE

Neymar: estilo de vida e lesão antiga podem ter contribuído para rompimento de ligamento do joelho

Camisa 10 sofreu entorse na partida contra o Uruguai, e exames apontaram que o atacante teve lesão no ligamento cruzado anterior

Após sair de campo com ajuda da maca e com lágrimas no rosto na partida contra o Uruguai, na terça-feira (17), pelas Eliminatórias, Neymar Jr. teve constatada uma grave lesão no joelho esquerdo. Al-Hilal, clube em que o brasileiro atua, e a CBF confirmaram que o atacante rompeu o ligamento cruzado anterior, além de ter machucado também o menisco. Essa é a primeira vez que Neymar tem uma lesão dessa magnitude, e o tempo de recuperação leva, em média, de seis a oito meses.

Antes de machucar o joelho esquerdo, Neymar vinha de grave lesão no tornozelo, em que o atacante ficou quase sete meses parado. Segundo especialistas ouvidos pelo R7, não há uma relação direta entre a lesão no tornozelo e o rompimento do ligamento do joelho, mas caso a recuperação não tenha sido adequada, ela pode, sim, ter influenciado.

“Se o tornozelo não tiver tido uma recuperação bem eficiente, se ele estivesse ainda com algum grau de instabilidade ou falta de equilíbrio, pode ter contribuído para que, no momento do apoio de um pé só, quando o jogador muda de trajetória ou dribla, se não tiver uma segurança plena do lado oposto, um bom equilíbrio, pode eventualmente ter tido essa contribuição para a torção”, afirma o doutor Marcos Cortelazo, ortopedista especialista em joelho e traumatologia esportiva.

No entanto, mesmo que a recuperação da primeira contusão tenha sido plena, o atleta ainda assim está sujeito a novas lesões, pois o corpo demora um certo tempo para recuperar a forma física de antes. É o que diz o doutor Gabriel Pecchia, ortopedista especialista em joelho e trauma esportivo do Hospital Oswaldo Cruz.

“Como qualquer pessoa, o jogador quando se lesiona, mesmo após a recuperação, há uma perda de força muscular e, eventualmente, perde-se também aquele reflexo natural do corpo para se defender de lesões. Mas isso ao longo dos jogos vai se recuperando”, explica o médico. 

Estilo de vida

Não é novidade que o estilo de vida de Neymar é, no mínimo, controverso, especialmente tratando-se de um atleta de alto rendimento, que disputa as principais competições do mundo. O jogador é visto com certa frequência em festas, noitadas com os amigos e também proporciona diversos eventos em aniversários, réveillons, cruzeiros etc. 

Na última data Fifa, inclusive, depois da vitória do Brasil sobre o Peru, Neymar foi flagrado em uma balada de Barcelona, na Espanha, onde teria traído a namorada Bruna Biancardi, que na época ainda esperava pela filha Mavie. Dois dias depois, ele fez sua estreia pelo Al-Hilal em jogo da Liga Saudita. 

“Um atleta de alta performance precisa de concentração, de uma boa alimentação, de um preparo físico regular e tem que ter um sono que seja reparador. Então, se no meio dessas competições ele tiver interrupções, ingerir bebida alcoólica, dormir mal a noite, ir em baladas, isso com certeza vai prejudicar o condicionamento físico. E o condicionamento físico adequado é a base para uma boa performance e para prevenção de lesão”, comenta Cortelazo. 

LEIA TAMBÉM

Ainda assim, não é possível dizer que a maneira como Neymar leva a vida tenha sido determinante para a lesão no joelho. “Uma lesão como essa pode ser simplesmente uma fatalidade, um episódio traumático”, ressalta Pecchia.

Quando Neymar volta?

Com o rompimento do ligamento cruzado anterior confirmado, Neymar agora será submetido a cirurgia para reconstruir o tecido que se rompeu. O tempo de recuperação é de seis a oito meses, mas pode se estender ainda mais dependendo do caso. 

“É o tempo que inclui tanto a cicatrização da reconstrução ligamentar, a maturação do enxerto e a recuperação muscular do atleta. Esse retorno depende de uma série de fatores, mas ele, como atleta de ponta, tem toda atenção fisioterápica e necessária para que ele retorne no menor tempo possível”, completa Pecchia.

Fonte: R7

Foto: Divulgação

Postagens relacionadas

Atletas do ‘Manaus Olímpica’ totalizam oito medalhas no Brasileiro de Jiu-Jítsu, em São Paulo

Paulo Apurina

Com novo patrocinador, São Paulo apresenta linha de uniformes produzida pela New Balance

Jamil Maciel

Grêmio recebe Flamengo em jogo de ida da semifinal da Copa do Brasil

Paulo Apurina
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Verified by MonsterInsights