BRASIL POLÍTICA

Polícia do Rio investiga crimes cibernéticos contra bancos

Grupo trocava biometria, fotos e documentos de clientes

Policiais civis do Rio de Janeiro prenderam, nesta segunda-feira (8), três pessoas suspeitas de praticar crimes cibernéticos contra agências bancárias. Segundo a Polícia Civil, eles seriam integrantes de uma organização criminosa que age em todo o país.

O esquema funcionava com o apoio de funcionários de agências bancárias e trabalhadores terceirizados, que instalavam dispositivos eletrônicos falsificados na rede do banco.

Com isso, o grupo criminoso conseguia acessar o sistema bancário e realizar operações como trocas de biometria, de foto e de documentos dos clientes, para que pudessem furtar dinheiro.

Via Agência Brasil

#pcrj #cirmesciberneticocontrabancos #policiarj #brasil

Postagens relacionadas

Comissão quer ouvir Weintraub sobre supostas irregularidades no FNDE

Paulo Apurina

Presidente do STF pede informações a Bolsonaro sobre indulto natalino

Paulo Apurina

Campanha alerta para malefícios do cigarro eletrônico

Vilhena
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Verified by MonsterInsights