SAÚDE

Prefeitura movimenta sábado com oferta de serviços assistenciais de saúde

A estratégia “Sabadão da Saúde”, utilizada pela Prefeitura de Manaus para ampliar o acesso dos usuários da rede municipal de saúde com a intensificação da oferta de serviços em 170 unidades da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), movimentou a manhã deste sábado, 2/12, na capital.

A mega-ação de saúde, que ofertou vacinas, consultas, aferição de pressão arterial, exame de hemoglobina glicada, renovação de receita, dispensação de medicamentos e outros serviços, teve como público-alvo pessoas com suspeita ou confirmação de diabetes ou hipertensão, crianças e adolescentes de 0 a 14 anos que precisam atualizar seu calendário vacinal, gestantes em falta com as consultas do pré-natal, mulheres na faixa-etária dos 25 aos 64 anos que não tenham realizado o exame Papanicolau, que permite a detecção de lesões precursoras do câncer do colo do útero e acompanhamento de saúde aos beneficiários do programa Bolsa Família. A oferta de vacinação contra influenza, que está liberada aos grupos prioritários, também foi reforçada na mega-ação.

O subsecretário municipal de Gestão da Saúde, Djalma Coelho, acompanhou as atividades nas unidades que funcionaram neste sábado e avaliou que a estratégia do “Sabadão da Saúde” tem sido fundamental para que a Semsa amplie ainda mais o acesso aos serviços, mas acentuou que as pessoas que não puderam comparecer hoje nos estabelecimentos de saúde da Semsa, podem buscar os atendimentos ao longo da semana, tanto nas unidades de horário regular quanto nas que funcionam em horário ampliado.

“Esses atendimentos foram intensificados hoje, mas seguimos ofertando todos eles na rotina das nossas unidades. É importante ressaltar que temos nove unidades, que por meio do Programa Saúde na Hora, funcionam de segunda a sexta-feira, de 7h até as 20h, algumas até as 21h, e estamos avaliando a ampliação desse número. Temos ainda a clínica da família Carmen Nicolau, que atende aos sábados, domingos e feriados. Há toda uma capacidade instalada para atender os usuários fora do horário comercial”, destacou.

Com a filha Eloá, de dois anos, no colo, a dona de casa Klívia Muniz explicou que a ação representou mais comodidade para buscar os serviços de saúde. “Durante a semana eu fico ocupada cuidando da casa e das minhas duas filhas, e poder vir aqui na (USF) José Rayol, trazê-la para vacinar contra a influenza, foi uma tranquilidade”, pontuou.

A auxiliar de saúde bucal, Rose Bernardino, soube do Sabadão por meio de um noticiário de TV e aproveitou a folga para buscar os serviços assistenciais de saúde da mulher. Ela elogiou a iniciativa e acrescentou que o autocuidado deve ser encarado por todos como um investimento. “Todos precisamos buscar a saúde por intermédio da prevenção. Sou muito grata pela oportunidade e todos devem aproveitar essas ações”, observou.

Fonte: Semsa

Foto: Divulgação

Postagens relacionadas

Vacinômetro: Amazonas já aplicou 4.827.540 doses de vacina contra Covid-19 até esta quinta-feira (18/11)

amazonaspix@gmail.com

IMUNIZAÇÃO – Prefeitura disponibiliza 72 pontos de vacinação contra a Covid-19 nesta semana

Paulo Apurina

Condutores de motolância da prefeitura concluem formação e começam a atuar no Samu Manaus

Jamil Maciel
Verified by MonsterInsights