ESPORTE

Rayssa Leal vence prêmio de espírito olímpico da Olimpíada de Tóquio

Agora, Fadinha fará doação de R$ 262 mil a instituição social

A skatista Rayssa Leal foi eleita, em votação on-line, a atleta que melhor representou os valores olímpicos, entre todas as modalidades, na Olimpíada de Tóquio (Japão). A votação organizada pelo Comitê Olímpico Internacional (COI), em parceria com um patrocinador, foi encerrada na última segunda-feira (9), um dia após o término dos Jogos.

Como prêmio, a Fadinha pôde escolher uma instituição social para receber uma doação de US$ 50 mil (cerca de R$ 262 mil). A jovem de 13 anos, medalhista de prata do skate street feminino em Tóquio, selecionou a ONG Social Skate, da cidade de Poá (SP), que visa a inclusão social por meio da modalidade e atende em torno de 150 crianças e adolescentes.

Durante a competição do skate street, Rayssa chamou atenção por vibrar a cada manobra das adversárias e abraçar efusivamente a japonesa Nishiya Momiji, que ficou com o ouro na disputa com a própria brasileira. Entre as eliminatórias e as finais, a brasileira também roubou a cena ao gravar uma dancinha com a filipina Margielyn Didal, que ficou em sétimo lugar.

Além de Rayssa, o Brasil foi ao pódio outras duas vezes no skate em Tóquio. Kelvin Hoefler foi o segundo colocado no street masculino, enquanto Pedro Barros também levou a prata, mas no park masculino.

VIA AGÊNCIA BRASIL

Postagens relacionadas

Flamengo chega ao Uruguai e já treina para final da Libertadores

Jamil Maciel

Prefeitura de Manaus apoia evento de lutas na Arena Amadeu Teixeira

Paulo Apurina

Filho de Anderson Silva estreia no kickboxing com nocaute em oito segundos

Paulo Apurina