AMAZONAS

Vulgo ‘Jacó’ é encontrado morto com 35 perfurações pelo corpo no Amazonas

Parintins – AM| Jackson Souza da Silva, 28 anos, conhecido como Jacó, foi morto nesta segunda-feira (4), na Vila Amazônia, zona rural de Parintins.

De acordo com a polícia Militar e Civil, Jacó era foragido da Justiça e tinha passagem pela polícia por roubo, estupro e furto e era considerado de alta periculosidade.

Conforme o investigador José Maria Castro, o corpo de Jacó foi encontrado na estrada e a Polícia Civil irá investigar o homicídio. 

“Ele foi vítima, também, de homicídio, agora, o delegado abre inquérito para apurar em que circunstância deu e ver se a gente aponta o autor desse homicídio. O corpo foi encontrado na beira da estrada aqui na Vila Amazônia”, disse o investigador.

Segundo o técnico de necropsia, Benedito Pimentel, mais de 35 perfurações de arma de fogo foram localizadas no corpo de Jackson.

“Foi a arma de fogo, mais de 35 perfurações pelo corpo na região da cabeça e das pernas. Acredito que seja uma espingarda calibre 12, mas tudo que vai indicar a perícia, na hora da necropsia.”.

A polícia civil não confirmou as especulações de que Jacó foi assassinato depois que ele teria amarrado uma jovem e a estuprado. O caso será investigado.

Uma imagem forte que circula nas redes sociais, mostra Jacó com uma perfuração profunda na região do rosto.

Postagens relacionadas

Wilson Lima destaca que postos em supermercados ampliam oportunidade para que mais pessoas se vacinem contra a Covid-19

Ivan Nobre

Sistema previdenciário da prefeitura de Manaus garante nível máximo em certificação

Paulo Apurina

Creche da Prefeitura de Manaus é a única do Amazonas a alcançar destaque nacional com projeto em publicação virtual

Paulo Apurina