AMAZONAS CULTURA POLÍTICA

A partir de lei de Roberto Cidade, Bandas da Bica, Difusora e Boulevard serão realizadas pela primeira vez com o título de Patrimônio Cultural do Amazonas

O Carnaval de 2024 será o primeiro em que as tradicionais Banda Independente Confraria do Armando (Bica), da Difusora e do Boulevard serão realizadas com o título de Patrimônio Cultural de Natureza Imaterial do Amazonas. A proposta apresentada pelo deputado estadual Roberto Cidade (UB), presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), reconhece, por meio da Lei nº 6.369/2023, a importância das bandas como representações culturais e artísticas do Amazonas.

“A declaração dessas bandas como patrimônio cultural também tem um impacto econômico e turístico significativo. O Carnaval é uma das festividades mais populares do país, que atrai diversos visitantes. Ao destacar a importância das bandas de Carnaval do Amazonas como patrimônio cultural, estamos fortalecendo o potencial turístico da nossa região, gerando empregos e impulsionando a economia local”, afirmou.

A Lei também visa preservar a história dessas bandas, que são algumas das mais tradicionais do Carnaval de Manaus. “Essa é uma medida necessária para preservar e valorizar a história, o desenvolvimento econômico, a transmissão de conhecimento e a identidade cultural da região. Essas bandas são verdadeiros tesouros culturais que merecem ser protegidos para que a cultura amazonense continue viva e vibrante por muitas gerações”, completou.

Neste ano, as Bandas da Bica e da Difusora serão realizadas no sábado, 3/2, e a Banda do Boulevard no dia 4/2, domingo.

Banda da Bica

A Banda da Bica é uma das mais tradicionais de Manaus e famosa pela abordagem política e irreverente que sempre assume durantes os carnavais desde a década de 80, quando foi fundada por boêmios frequentadores do bar do Armando, localizado no Centro de Manaus.

A Bica foi fundada em 1986 e desde sua criação foi suspensa apenas três vezes: a primeira em 2012, por conta da saúde de seu patrono, Armando Soares, e nos dois anos de pico da pandemia de Covid: 2021 e 2022.

Banda da Difusora

A Banda da Difusora é uma das manifestações carnavalescas mais populares da cidade de Manaus, sempre levando grandes públicos e “rivalizando” saudavelmente com a tradicional Banda da Bica, realizada no mesmo dia.

Fundada em 1995 por Fesinha Anzoategui, Elieyde Menezes e Carlinhos Menezes, a banda é considerada uma das festas mais tradicionais do Carnaval amazonense.

Banda do Boulevard

A Banda do Boulevard foi fundada no Carnaval de 1987 e, anualmente, apresenta temas que exaltam o compromisso com a cultura amazonense, reunindo mais de 150 mil foliões para celebrar e já conta com mais de 30 sambas gravados.

Ao longo dos anos, a Banda do Boulevard se consolidou como um espaço para a promoção da cultura amazonense. Artistas locais e regionais têm a oportunidade de se apresentar no palco da banda, divulgando seu trabalho e animando o público com suas performances.

Fonte: Assessoria de Imprensa do Deputado Roberto Cidade

Foto: Divulgação

Postagens relacionadas

Carreta Vacina Amazonas registra mais de 2,2 mil doses aplicadas durante quatro dias na zona oeste de Manaus

amazonaspix@gmail.com

Presidente do TCE-AM receberá medalha da Aleam na próxima quarta (30)

Vilhena

Antonio Anastasia toma posse como ministro do TCU

Jamil Maciel
Verified by MonsterInsights