ESPORTE

Atleta do Bolsa Esporte Estadual é convidada para treinos no Centro de Treinamento Paraolímpico Brasileiro

Maria de Fátima iniciará ano paralímpico com treinos em São Paulo

Maria de Fátima, paratleta do halterofilismo, foi convidada pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) para participar da 1ª Fase de Treinamento de Halterofilismo, no Centro de Treinamento Paraolímpico Brasileiro (CTPB). A amazonense, patrocinada pelo Governo do Amazonas, por meio do Bolsa Esporte Estadual e integrante do Projeto Amazonas nas Olimpíadas de Paris 2024, ficará em São Paulo entre os dias 14 e 22 de janeiro.

“O convite para a Maria de Fátima nos enche de orgulho e serve como estímulo para todos os paratletas do estado. Isso não só reforça o nome do Amazonas no cenário internacional, mas também consolida o papel crucial do Bolsa Esporte Estadual na formação e apoio aos talentos amazonenses”, disse Jorge Oliveira, secretário de Estado do Desporto e Lazer (Sedel).

Durante o período de treinos, Maria de Fátima, passará por uma série de treinos, testes e avaliações e assistirá palestras, como maneira de preparação para o final do ciclo paralímpico. Para a amazonense, natural de Tefé, a notícia da convocação foi muito comemorada e serve de combustível para buscar a vaga nas Paralímpiadas de Paris 2024.

“Meu objetivo esse ano é as Paralimpíadas. Estou bem confiante, bem feliz e estou me preparando muito para esse período que antecede a competição. Eu sei que esse ano será muito corrido para os paratletas, serão várias convocações e competições, mas será muito útil para melhorar o rendimento e, se Deus quiser, conquistar uma medalha em Paris”, falou Maria.

A atleta do Bolsa Esporte Estadual, já tem data marcada para estrear em competições oficiais no ano, entre os dias 28 de fevereiro e 6 de março ela vai representar o Brasil no Fazza 14th 2024 Para Powerlifting World Cup, o mundial de esportes de força. O evento acontecerá em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, Maria competirá na categoria até 67kg e espera começar o ano paralímpico de forma positiva.

“Essa competição para a gente vai ser muito importante e pretendo melhorar minha colocação no ranking, por meio dela. Vai ser baseado no que vai acontecer nesse mundial e em outras competições que virão, que vou conseguir me preparar e testar meu nível”, finalizou a paratleta.

Fonte: Sedel

Foto: Julcemar Alves

Postagens relacionadas

Giuliany Perêa, atleta do ‘Manaus Olímpica’, conquista Mundial de MMA amador na Albânia

Jamil Maciel

Messi vence 7ª Bola de Ouro e se iguala a Pelé como maior campeão

Jamil Maciel

Michael chora muito em despedida: “Hoje posso falar o que é ser Flamengo”

amazonaspix@gmail.com
Verified by MonsterInsights