AMAZONAS BRASIL POLÍTICA

David Almeida reforça aliança com Bolsonaro e aguarda R$ 470 milhões para obras e nova secretaria em Manaus

Prefeito da capital deu entrevista à rádio Mais Brasil News e divulgou previsão de obras e investimentos

O prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), confirmou nesta sexta-feira, 27, à rádio Mais Brasil News, que a cidade de Manaus deve ganhar a nova Secretaria de Defesa Social, novas Unidades Básicas de Saúde (UBSs), milhares de ruas recuperadas e viadutos. Para dar sequência ao planejamento, ele diz que ainda aguarda recursos do Banco do Brasil.

A entrevista também serviu para o chefe do executivo municipal confirmar que é aliado do presidente Jair Bolsonaro. Segundo ele, isso tem dado frutos, concretizado recursos federais e investimentos para obras de grande porte na capital amazonense.

Ainda no primeiro semestre deste ano, David chegou a anunciar um megapacote de obras para diversas áreas da cidade num valor global de R$ 1,2 bilhão.

Desse total, ele revelou que ainda faltam ser liberados R$ 470 milhões pelo Banco do Brasil.

“Há uma perspectiva de esse recurso ser liberado até o final de setembro. Já estamos, nesse momento, finalizando processos dos projetos básicos para as licitações”, adiantou Almeida.

O prefeito falou que a área da saúde deve ganhar 20 UBSs novas. Além delas, também foram anunciados vários serviços:

– Recuperação de 10 mil ruas;

– Mais de 100 campos de futebol;

– 50 terminais de ônibus;

– Moradias;

– Viadutos;

– Passagens de nível.

Armas para Guarda Municipal

Durante entrevista à rádio Mais Brasil News, David Almeida também falou que deve dar início, na próxima semana, ao curso de qualificação no uso de armas para a Guarda Municipal. O projeto é bandeira da campanha que o elegeu em 2020.

Ele também anunciou a criação da Secretaria de Defesa Social, que será responsável pelo novo modelo de segurança municipal patrimonial.

Agenda Pós-7 de setembro

Questionado sobre o seu alinhamento com Bolsonaro, David Almeida reforçou a aliança e que o projeto principal é que o “país dê certo”.

O prefeito de Manaus revelou que no feriado de 7 de Setembro, ele estará em Brasília cumprindo agendas que incluem o presidente, ministérios e o Banco do Brasil.

A expectativa é garantir a liberação de recursos que faltam para investimentos em Manaus.

Via Norte de Notícias

Postagens relacionadas

Enchente 2022: Governo do Estado institui Grupo de Ações Coordenadas

Ivan Nobre

STF nega habeas corpus de Omar Aziz, Randolfe e Calheiros contra inquérito sobre divulgação de documentos sigilosos

Paulo Apurina

Lei de Roberto Cidade cria Serviço Móvel para diagnóstico do câncer infanto-juvenil

Paulo Apurina