MANAUS TECNOLOGIA

Tecnologia para mobilidade inteligente e inclusiva é desafio para Manaus em evento de smart cities

A Prefeitura de Manaus marca presença na capital mundial da inovação, em Curitiba (PR), durante a realização do _Smart City Exp_o 2022, reunindo especialistas, governos, empresas e profissionais de inúmeras áreas e diferentes partes do mundo. Manaus é participante como cidade da delegação do Programa Internacional de Cooperação Urbana e Regional América Latina (Iurc-LAC), por meio de um termo de cooperação, firmado via Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb).

Considerado o maior evento brasileiro de cidades inteligentes, a edição deve reunir 10 mil pessoas de aproximadamente 30 países, somando público presencial e remoto. O Smart City Expo Curitiba, que encerra nesta sexta-feira, 25/3, atua novamente como um grande hub de conexão e networking entre gestores das iniciativas públicas, diretores e executivos de organizações privadas, investidores, empreendedores, pesquisadores, órgãos de fomento e sociedade civil.

“A Prefeitura de Manaus não poderia ficar de fora de debates e busca de soluções para o desenvolvimento sustentável das cidades, especialmente neste pós-pandemia. A gestão David Almeida tem como foco a inovação, a retomada do crescimento econômico e de ser uma das melhores capitais para se investir, promovendo o ambiente propício e as conexões tecnológicas e de busca pela qualidade de vida, planejamento urbano e social, e a criatividade”, explicou o diretor-presidente do Implurb, engenheiro Carlos Valente.

Cronograma

Um grupo da Iurc América Latina está compartilhando experiências em projetos de ¬¬¬smart cities em Curitiba. Participantes de Manaus, da cidade de Mar del Plata (Argentina), de Puerto Montt (Chile), de Piura e Trujillo (ambas no Peru), Fortaleza (CE) e São Paulo (SP), se reuniram em Curitiba para apresentar os principais projetos de cidades inteligentes de suas respectivas regiões.

“Sobre Manaus, apresentamos no encontro promovido pela Iurc América Latina os desafios ligados à mobilidade urbana e o uso da tecnologia para otimizar e impulsionar o desenvolvimento de modais e transporte, visando a mobilidade ativa. Com 2,2 milhões de habitantes, a metrópole da Amazônia tem desafios enormes. A região central recebe hoje a maioria dos ônibus e suas conexões, sendo necessário otimizar essa dinâmica”, explicou o coordenador de Projetos do Implurb, o arquiteto e urbanista Leonardo Normando, que está em Curitiba participando do evento.

Na apresentação sobre a capital, Normando frisou que as conexões mais sustentáveis no setor Centro precisam ampliar os passeios públicos e as interfaces para uso dos diversos modais, do carro ao pedestre e ciclista, passando pelas Pessoas com Deficiência (PcDs) e com mobilidade reduzida.

“Temos o CCC (Centro de Cooperação da Cidade), que vem avançando no monitoramento e identificando demandas por observação. A partir da criação desses indicadores urbanos é possível planejar melhor o futuro, tendo embasamento mais preciso e tecnológico”, comentou o arquiteto.

Entre os temas em discussão nos dois dias da exposição serão apresentadas Tecnologias Inteligentes para Cidades; Inovação e Negócios Disruptivos; Governança em uma Sociedade Inteligente; Mobilidade Inteligente para o Futuro; e Cidades Sustentáveis.

Centro

A Prefeitura de Manaus tem trabalhado para promover uma melhor ocupação dos espaços públicos e dar maior movimento de pessoas nas ruas do Centro, o que aumenta a sensação de segurança. Ações para lançar programas urbanísticos de recuperação do papel habitacional da área central fazem parte das intervenções futuras para a região.

Cooperação

A cooperação internacional tem etapas que envolvem reuniões bilaterais, acordos, missões, troca de informações, expertise compartilhada, webinários e eventos internacionais. As fases incluem missões em ambas as regiões, com visitas técnicas, eventos de networking, ações com especialistas e elaboração de planos de ação regionais e urbanos para as duas participantes.

Financiadas pela União Europeia, as atividades do Iurc dão suporte para buscar atingir objetivos políticos, tanto em nível local quanto relacionados a importantes acordos internacionais sobre desenvolvimento urbano e mudanças climáticas, como a Agenda Urbana, os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e o Acordo de Paris.

Fonte: Implurb

Foto: Divulgação

Postagens relacionadas

Natal das Águas – Compartilhe você também essa alegria

Paulo Apurina

Sine Manaus oferece 200 vagas de emprego nesta segunda-feira, 25/4

Paulo Apurina

Confira as vagas oferecidas pelo Sine Manaus nesta segunda-feira, 22/11

Jamil Maciel