AMAZONAS POLÍCIA

Urgente: “Omar Aziz pede ‘Habeas Corpus’ do Supremo para não ser preso e pedido é negado”, diz Arthur Neto

Pelo Twitter o ex-prefeito de Manaus, Arthur Neto disse que o senador Omar Aziz pediu Habeas Corpus ao Supremo Tribunal Federal para não ser preso pela acusação de ter distribuído documentos sigilosos da CPI da Pandemia para uma emissora de televisão, o que é criminoso. O STF negou.

Nota da PF

Sobre a divulgação pela imprensa de depoimentos prestados à Polícia Federal relativos a investigações em andamentos, a PF esclarece:

1 – No dia 2/8, foi encaminhada à Comissão Parlamentar de Inquérito – CPI  da Pandemia a íntegra dos autos do inquérito que apura eventuais irregularidades na aquisição da vacina Covaxin. Foram também encaminhados os vídeos contendo os depoimentos de oito pessoas intimadas, todos sem qualquer edição;

2 – Na mesma data, a comissão parlamentar recebeu a cópia, também integral, do inquérito instaurado por determinação da ministra do Supremo Tribunal Federal Rosa Weber;

3 –  O alegado corte mencionado pela imprensa ocorreu em razão do término das perguntas pela autoridade policial. As alegações defensivas do depoente, embora não estejam gravadas, foram registradas por escrito e igualmente encaminhadas na íntegra;

4 – Em obediência às disposições processuais penais e com o objetivo de resguardar o andamento das investigações, a Polícia Federal solicitou à comissão parlamentar o necessário sigilo das oitivas;

5 – A PF determinou abertura de investigação para apurar o vazamento dos inquéritos e depoimentos.

Via Chumbo Grosso Manaus

Postagens relacionadas

PL de Roberto Cidade, que obriga empresas de transporte rodoviário a oferecem álcool em gel dentro dos veículos, é aprovado

Paulo Apurina

Wilson Lima firma convênio para reabertura do Hospital Padre Colombo em Parintins

Ivan Nobre

Rodas de Cidadania fecha mais uma etapa do Profac

Paulo Apurina