AMAZONAS EDUCAÇÃO JUSTIÇA

Ministério Público recebe visita de turma de direito da Ulbra

Visita faz parte do projeto “MP nas Universidades”, que abre as portas do MPAM à comunidade acadêmica

Em visita guiada, o Ministério Público do Amazonas (MPAM), por meio do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (Ceaf), recebeu, na manhã de hoje (25), uma turma de direito da Universidade Luterana do Brasil (Ulbra), que integra o projeto “MP nas Universidades. Eles conheceram, na prática, o trabalho desempenhado dentro da Procuradoria-Geral de Justiça do Amazonas.

Apoiador do projeto, o procurador-geral de Justiça do Amazonas, Alberto Rodrigues do Nascimento Júnior, afirmou que o Ministério Público está de portas abertas, a qualquer momento, à comunidade acadêmica. “A vinda dos estudantes ao MP nos alegra muito, porque eles são o futuro. Os receberemos sempre para sanar todas as dúvidas, curiosidades e, sobretudo, falar sobre a importância do trabalho que o MP tem junto à Justiça, na busca por resolutividade e a manutenção dos direitos do cidadão”, comentou.

Coordenador do projeto e chefe do Ceaf, o promotor de Justiça João Gaspar Rodrigues recebeu os estudantes no auditório Gebes de Mello Medeiros para uma palestra inicial, onde explicou sobre a composição do Ministério Público brasileiro, quais as competências de cada promotoria de Justiça, quais os princípios e canais de denúncia disponíveis ao cidadão amazonense e a importância de uma rede de apoio familiar nos estudos.

“A integração entre as universidades e o Ministério Público é fundamental. Essa colaboração permite que os estudantes compreendam nosso trabalho e entendam as responsabilidades atribuídas aos membros, às promotorias, além de conhecerem os canais de denúncia disponíveis. Esse diálogo fortalece o estado democrático de direito e inspira os estudantes a considerarem a possibilidade de serem parte da nossa instituição no futuro”, afirmou o promotor João Gaspar Rodrigues.

Em uma conversa aberta, os 12 estudantes do 1º período da Ulbra sanaram todas as dúvidas em relação ao órgão. Os alunos questionaram sobre o ingresso no quadro de membros do MP, como se tornar um promotor de Justiça, qual o processo, a composição do Ministério Público, além de requisitos e etapas do concurso público.

Na oportunidade, o promotor de Justiça João Gaspar convidou os estudantes para participar da 20ª edição do Júri Simulado do MPAM, que segue com as inscrições abertas até o dia 30 de abril, além de expor os cursos oferecidos pelo Ceaf e outras oportunidades de fazer parte do Ministério Público enquanto estudantes e recém-formados, seja por meio de estágios de nível médio, estágio em direito, residência profissional e etc.

A estudante Vitória Lima avaliou como excelente o projeto “MP nas Universidades”, porque permite aos alunos um primeiro contato com as instituições. “Eu estou achando muito rica essa experiência. É muito importante para nós, os estudantes de direito do primeiro período, que estamos iniciando a vida acadêmica, entrar e, de cara, ter essa experiência com as instituições, vendo, de fato, como é que funciona, como é que atuam com as questões do município e do Estado”, afirmou.

Ao final, os estudantes receberam certificação e foram para uma visita guiada ao museu do Esporte, localizado na Arena da Amazônia, com a equipe do Ceaf.

Texto e foto: Yasmin Siqueira

#mpam #amazonas

Postagens relacionadas

Corno e Assassino dono do Supermercado Vitória que mandou matar Sargento do Exército será libertado a mando do STJ

Paulo Apurina

Manacapuru: mais de 60 agricultores têm documentos regularizados pelo Idam

Jamil Maciel

Após encontro com governador em entrega do Auxílio Estadual, menino realiza sonho de “ser bombeiro por um dia”

amazonaspix@gmail.com
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Verified by MonsterInsights